Práticas de recrutamento, seleção e remuneração

Promovemos um ambiente de trabalho digno, justo e respeitoso a todos os colaboradores e essas condições são garantidas porque zelamos, em nossos processos e Políticas de Gestão de Pessoas, por práticas que reforcem esse compromisso.

No processo de Recrutamento e Seleção de novos colaboradores, em nenhum momento coletamos qualquer tipo de dado que possa ser, consciente ou inconscientemente, utilizado de forma discriminatória. Selecionamos sempre os(as) melhores candidatos(as) às nossas vagas, avaliando critérios de competências, experiências profissionais e alinhamentos culturais com nossa empresa, que independem da raça, gênero, etnia ou outra característica do candidato(a) a vaga.

Quanto a nossa filosofia de remuneração, entendemos igualmente que raça, gênero, etnia não são, em nenhuma hipótese, critérios para determinar os salários de nossos colaboradores.

Por outro lado, não ignoramos que existam diferenças sob a ótica da performance, maturidade, conhecimento, capacitações técnicas, qualificações e aspectos comportamentais entre empregados que ocupem um mesmo cargo. Por isso, trabalhamos com critérios de remuneração que admitem a evolução salarial do colaborador dentro de um mesmo nível de carreira (júnior, pleno, sênior, etc).

Além disso, reconhecemos também que a concorrência por pessoas, no mercado de trabalho, é diferente entre as diversas funções existentes no nosso negócio e isso faz com que nossos critérios sejam definidos levando em consideração este aspecto. Assim, desenhamos estes critérios de acordo com as famílias de funções que possuam similaridades entre si, tais como a demanda do mercado para profissionais daquela função e a complexidade das atividades desempenhadas.

Portanto, reafirmamos nosso compromisso em promover um ambiente de trabalho verdadeiramente justo e não discriminatório dentro de nossa organização. E em atendimento à lei 14.611/2023, disponibilizamos nosso Relatório de Transparência Salarial.

Clique aqui para acessá-lo